quinta-feira, 29 de março de 2012

# Dia 29 | Look


Lemon, cariño, algo me diz que vais ter um ataque de parvoeira dos grandes a escrever isto. Look, look... supostamente isto devia ser alguma coisa relacionado com fashion looks, right? Wrong, can't do that... Ora bem, look, até escrevia qualquer coisinha sobre o assunto se percebe-se alguma coisinha sobre o assunto! Como não percebo vamos lá teorizar sobre looks. Mulheres com um look fantástico, qualquer uma das da foto, ícones mais precisamente na minha modesta opinião.
Sou uma nulidade nesta coisa da moda, aparvalho, é uma sorte não passar a vidinha de calças de ganga e sapatilhas, não passo porque não posso. Abro uma excepção às modas, sapatos, gosto, e gosto de saltos altos. Profissionalmente passo muito tempo a ver lojas, a olhar para as modas, logo, quando toca a ter que comprar roupita ou a pensar no assunto dá-me vontade de fugir. Sei o que não gosto, sei o que nem sob a ameaça de uma arma vestiria, mesmo que fosse o supra-sumo da moda. Não gramo saias, são-me desconfortáveis, desconfio que isto é um trauma qualquer que ainda não deslindei e ultimamente tenho que as vestir amiúde, é castigo, as calças passaram a ter espaço excessivo. Não consigo vestir roupa amarela e a maior parte dos verdes irrita-me. Passo a vida a ouvir pérolas da minha mãe, sou o desgosto da vida dela, segundo ela só andei arranjadinha enquanto ela me comprava a roupa... Nem vale a pena entrar em considerações quanto ao cabelo, perdi a conta às vezes que me pergunta se eu já me penteei... Fazer malas muitas vezes dá-nos uma perspectiva engraçada sobre quantidades de roupa, consigo meter a minha toda numa mala. Enfim, cresci no meio de mulheres bonitas, sei a diferença, não há look que faça milagres quando a matéria prima não é grande coisa.

28 comentários:

  1. Pq será q eu achei este teu post fascinante???

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pq me conheces de gingeira e conheces a grande capacidade de parvalheira da je :P

      Eliminar
  2. Eheheh! Muito muito bom!

    Também não curto saias... Deve ser trauma de ter passado demasiado tempo obrigada a usá-las, e bem curtas!

    Mas por acaso não concordo contigo na parte final. Acho que actualmente qualquer mulher pode ficar bonita ou, pelo menos, minimamente apresentável. Basta ter um pouco de cuidado!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Zoana, acho que é melhor leres outra vez a parte final...

      Eliminar
  3. Oh Lemon ... desta a volta muito bem dada :)
    Adorei ler ;*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. quando me ponho a contornar a coisa é assim :P

      Eliminar
  4. Mas que belo post. :) Gostei.
    Beijinho*

    ResponderEliminar
  5. Ahahahahahhahahahahahahah
    Logo que se tenha a matéria prima certa*
    Fazem-se milagres :D
    Joquitas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mañana hablamos, prepara-te para correr :P

      Eliminar
  6. Sei que a opinião da mamã pode valer muito mas eu também tenho a minha. Viva a democracia!! Assim, e em pleno exercício desta, tenho a dizer que a saia e o cabelo estão aprovadíssimos... e mais não digo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A saia está aprovada? Onde a viste de saia? Já a conheço há muitos anos e nunca a apanhei de perna à mostra :D

      Eliminar
    2. Então Candy devias apresentar a reclamação a quem de direito ;) Parece que a Primavera faz bem a todos...

      Eliminar
    3. Depois de ler isto vou ficar aqui caladinha, assim mesmo muito caladinha ;)

      Eliminar
  7. Oi Nexus... não nos conhecemos mas deixa-me dizer-te que faço "idem" ao teu comentário! A minha amiga é linda e tem a "matéria prima certa" pena que de vez em quando se esqueça! T gostei de ler e mais uma vez, vamos ter de desculpar a mamã :) Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Blá, blá, blá... olha que nunca me vou esquecer que num certo Natal o aeroporto todo ficou a saber quem eu era e que tinha uma saia vestida, ouvi-te antes de te ver :P

      Eliminar
    2. Foi um momento memorável... e pelos comentários que aqui vejo... não foi o único! Vivam as saias e já agora a Primavera ;-)

      Eliminar
    3. A tua sorte é o Atlântico, se não fosse um oceano estavas a levar pancada e tu melhor que ninguém sabes a potência da mão :P

      Eliminar
    4. Ui que medoooooo.... O Fernando coitado nunca mais se esqueceu!!! Mas foi bonito, apesar de que, como já não há cavalheiros o melhor é não experimentares a façanha novamente! Porta-te bem Mulher!! Beijocas

      Eliminar
    5. Mas eu algum dia me porto mal?????? Até parece...

      Eliminar
    6. Pois infelizmente não... falto ai eu para te contagiar com "o mau comportamento"! Amigos ajudem aqui... vai um "empurranzinho"... ufa! Muito Obrigado!

      Eliminar
    7. Algo me diz que o oceano não te vai salvar...

      Eliminar
    8. Tanta agressividade acumulada... o melhor é libertar isso. Aconselho poesia. Eu lanço o mote: 'Tenho às vezes saudades do futuro / Como se ele já fora decorrido...'
      Alguém quer continuar?!

      Eliminar
    9. Agressividade nenhuma, a criaturinha sabe que não lhe bato de forma alguma, mas ela gosta de provocar celeumas. O que vem a seguir é isto:

      Um sentimento escuro
      De quem, antes da vida, houvesse já vivido...

      Eliminar
    10. Eu "A Criaturinha" acima citada, venho por este meio informar, que a amiga T , não tem nada de agressivo! Para que conste eu sei que tudo isto são Saudades!Não propriamente minhas... mas do afilhado do coração!
      A Continuar o desafio...
      Saudades da vida que não escolhi, mas ainda assin vivi...
      Pressinto um futuro, passado, estranho e distante...

      Eliminar
    11. Passo a parte da poesia (sou uma nódoa :D), mas adorei esta troca de ramalhetes***
      Logo à tarde podes dar-me os meus ao vivo, vou levar um casaco almofadado ahahahahahahahahahahahahahahah

      Eliminar
  8. E para a agressividade... Nada melhor que dançar com um bom som potente :*

    ResponderEliminar